Vender em tempo de crise na 10ª Marketing Session

4 Jun

“Vender em tempo de crise” foi o desafio da 10ª edição ISVOUGA Marketing Sessions, que decorreu no dia 29 de Maio, com Paulo Ferreira – Sales Project Manager na empresa Impact Sales, Ahptus.

A moderação da conferência esteve a cargo de Alexandra Santos, professora no ISVOUGA, com vasta experiência em consultoria financeira e fiscal.

Logo no início da 10ª sessão foi apresentado um resumo das II Jornadas Internacionais de Marketing, Publicidade e Relações Públicas, em vídeo <http://www.youtube.com/watch?v=0p3N8kBASIA> realizadas no dia 10 de Maio e que contaram com a presença de excelentes moderadores, investigadoras de sucesso, reconhecidos oradores e uma equipa única.

Paulo Ferreira ahptusNa sua intervenção, Paulo Ferreira começou por referir que o conceito de crise está relacionado com uma questão de dimensão, contexto e perspectiva. Nesse sentido, se confirmamos que o mercado mudou também a nossa abordagem ao mesmo tem que ser alterada. Vamos chorar ou vender lenços de papel?! Neste contexto o orador mencionou os “vendedores de impacto”, que não têm clientes, mas sim seguidores. Eles alimentam a sua marca pessoal, contam uma história, um percurso e envolvem os seus clientes.

Se reflectirmos bem, a nossa vida é um conjunto de vendas. Começamos logo à nascença quando choramos para satisfazer a nossa necessidade de alimento, por exemplo. E as nossas mães compram sempre o que nós lhes vendemos e dão resposta às nossas necessidades. Outra grande venda é a nossa primeira entrevista de emprego. É lá que temos que saber vender o melhor de nós da melhor forma. “Enquanto continuarmos a fazer as mesmas coisas que os outros somos apenas mais um!”

Ao tentar fazer uma venda sabemos que a pior coisa que nos pode acontecer é ouvir um “não”. Portanto, devemos encarar isso como um desafio e aproveitá-lo para testarmos as nossas próprias capacidades.

“É possível vender sem conhecer o produto/serviço.” Às vezes as pessoas compram “porque sim”, “porque gostam”, “porque querem”. E necessidades iguais podem ser satisfeitas de formas distintas. Por isso, temos que ser altamente especialistas em conhecer as pessoas. Devemos focar-nos na relação e não na transacção. E lembrem-se uma abordagem prévia pode levantar uma oportunidade.

Paulo Ferreira deixou-nos a reflectir: “O que é que eu faria se não tivesse medo?” E incentivou-nos a ter um comportamento AHA: Atitude, Humor, Acção.

No final da sessão, Nelson Santos, o aluno com a melhor média da Licenciatura em Marketing, Publicidade e Relações Públicas do ano lectivo 2012/2013 apresentou um vídeo de sua autoria onde retratou o seu percurso pela instituição de ensino.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: